Praia Limpa: SURF Garantido!!!

Sabemos que Deus, o Criador das ondas é também o nosso Senhor, e fez todas as coisas para que tivessem grande harmonia entre si, pois Ele tem prazer e se alegra em ver o fluir saudável das relações entre nós e a natureza.

Por isso aqui vão 12 dicas de sustentabilidade para que haja um Swell de vida e muita harmonia entre o ser humano e o mar, especialmente nós surfistas que preservamos nosso segundo lar, o mar:

Ao chegar à praia para surfar, ou apenas se jogar na areia lembre-se:

01. Primeiro passo: Leve uma sacola para guardar o que consumiu ou restou do seu lixo, e levar de volta a fim de jogar no lugar certo! Jogou, pegou;

02. Se estiver hospedado longe do mar, procure sempre ir a pé da casa ou do hotel onde está ficando até a praia. Além de diminuir a quantidade de CO2 (dióxido de carbono) lançada no ar, com o trânsito da alta temporada de verão é provável que você chegue mais rápido;

03. Se quiser ser um surfista atualizado, ser sustentável está na moda. Por isso, hoje em dia é possível encontrar recipientes para lixo reciclado nas praias. Não deixe de praticar a reciclagem porque está de férias;

04. Pra galera que não mora no litoral e geralmente faz aquele surf de final de semana, com as pranchas amarradas no teto do carro, lembre-se de dar carona aos demais brothers, evitando assim mais gasto e combustível. Tudo se resolve combinando antes e todo mundo vai e volta feliz!

05.  Se o mar estiver flat (sem ondas) Explore ao redor e conheça as maravilhas que a natureza oferece na região: alugue um caiaque para passear, faça trilhas, procure por cachoeiras. Conectar-se com a natureza é o melhor jeito para entender o porquê de preservá-la e lembrar que Deus fez tudo isso para nós!

06. Vá somente pelas trilhas, abrir caminhos novos pode desequilibrar o ecossistema. A natureza é frágil e deve ser bem tratada;

07. Aproveite os produtos locais. Além de a comida ser fresca e gostosa, ela estará chegando a você com menos impacto de transporte.

08. Na hora de escolher as lembrancinhas, compre produtos ecologicamente responsáveis ou artesanais feitos pelas famílias locais, pois assim fortalece a economia local e valoriza o trabalho caiçara.

09. Insetos não faltam nos locais tropicais. Procure por inseticidas ecológicos.

10. Amamos os nossos bichos de estimação, mas como já falamos no primeiro artigo, praia não é o lugar certo para levar seu “dog”, pois eles trazem doenças. Deixe o seu “Pit Bull Surfer” em casa ou no hotel;

11. Respeite a fauna local. Um caranguejo a menos desequilibra toda uma cadeia alimentar, e uma praia equilibrada é sempre mais gostosa pra surfar.

12. Inove e faça parte de um mutirão de limpeza.

Preserve os oceanos!!!

Por:  José Carlos M. Foryan.

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *