O QUE É LIBERDADE?

26363_10200689789064403_805382722_n

Liberdade. Essa palavra certamente está na lista de desejos para a vida de todas as pessoas. Todos querem ser livres! Todos querem viver em liberdade!

Mas será que sabemos o que é liberdade? Ou melhor, será que nós, cristãos, sabemos qual é o entendimento bíblico de liberdade?

Por aí, há muitas maneiras de entender e viver a liberdade. A maneira mais comum é aquela que compreende liberdade como uma vida onde cada um é dono de suas decisões e faz o que quer, sem regras, sem certo ou errado, sem negar os próprios desejos… faz-se tudo que se deseja, tudo o que der nas ideias.

O entendimento bíblico de liberdade não é esse. A Palavra de Deus anuncia que, pela fé em Cristo, somos livres: Cristo nos libertou para que nós sejamos realmente livres. (Gálatas 5.1). E a Palavra de Deus ensina o que é essa liberdade.

Na língua grega (língua em que o Novo Testamento foi escrito originalmente), a palavra que traduzimos por liberdade era usada com o significado de ser livre no sentido de que a pessoa foi tirada da escravidão.

E a Bíblia descreve que a escravidão em que se encontram as pessoas sem Jesus Cristo é a escravidão do pecado (João 8.34; Romanos 6.18-22), de Satanás (Mateus 12.22; Lucas 13.16), da morte (Romanos 8.21), da velha natureza humana caída (Efésios 4.22) e dos poderes desta era (Efésios 2.2; 6.12).

A libertação desta terrível escravidão aconteceu quando Jesus Cristo, por sua morte de cruz, tirou as pessoas do domínio do pecado, do poder de Satanás, das garras da morte e da opressão da velha natureza humana caída. Quem crê em Jesus Cristo é liberto desta escravidão.

E não somente deixa de ser escravo para ser pessoa livre, mas, pela fé, é transformado de inimigo para filho de Deus. É colocada, por graça, num relacionamento de pertencimento a Deus, mas que não é escravidão. É de liberdade dos filhos e filhas de Deus.

Que liberdade é essa. Não é aquela em que a pessoa é senhora dos seus desejos e, por isso, faz o que quiser da vida. É a liberdade para viver uma nova vida, que abandona o pecado e busca estar em conformidade com a vontade de Deus (Romanos 6.6-14), que se deixa guiar pelo Espírito Santo (2 Coríntios 3.17), que vive num relacionamento pessoal com Jesus Cristo, marcado pela obediência a sua palavra (João 8.31-32), que não vive para fazer os próprios desejos mas para servir a Deus servindo ao próximo (Gálatas 5.13; 1 Pedro 2.16).

Ser surfista é ter um estilo de vida descrito como vida com liberdade.

Ser surfista de Cristo é ter a liberdade que Cristo conquistou e nos concedeu por sua graça.

Cuidemos para não confundir a liberdade que se vive por aí com a liberdade que Cristo nos concedeu.

Somos, sim, por Cristo, livres. Mas não livres para fazer o que quiser, e sim, livres para viver e experimentar a boa, perfeita e agradável vontade de Deus.

Jesus disse: “se vocês continuarem a obedecer aos meus ensinamentos serão, de fato, meus discípulos e conhecerão a verdade (que é o próprio Jesus), e a verdade os libertará.” (João 8.31-2).

 

Por: Marcelo Jung

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *