ELE DEU A VIDA POR NÓS

Acredito que não há surfista na face da terra que não tenha ouvido falar de Eddie Aikau. Se algum surfista ainda não o conhece… precisa conhecer.

Nascido em 1946, no Hawaii, filho de uma família simples, Eddie foi um destemido surfista de ondas grandes e um comprometido salva-vidas. O primeiro na praia de Waimea, onde muitas vezes arriscou sua vida para resgatar outras pessoas dos perigos do mar.

O fato que o tornou conhecido e imensamente respeitado aconteceu em 1978. Eddie foi selecionado para ser tripulante de uma embarcação polinésia primitiva, chamada “Houkueia”, na qual, ele e mais 27 pessoas, fariam uma viagem em resgate da cultura das primeiras viagens dos polinésios que vieram habitar as ilhas havaianas.

A expedição saiu da Ilha de Oahu em direção ao Taiti. No perigoso canal de Kaiwi, a embarcação foi surpreendida por uma tempestade e começou a afundar. Percebendo que seus companheiros estavam em perigo de morte e longe de qualquer socorro, Eddie pulou na água com sua prancha e remou em direção da Ilha de Lanai, que estava a cerca de 12 milhas de distância. Foi a última vez que foi visto.

Eddie não conseguiu salvar seus amigos e companheiros de viagem, mas deu a sua vida tentando. Abriu mão de sua segurança e de sua vida não por dinheiro, por aposta ou por glória. Ele o fez por amor.

Não é difícil perceber que o final trágico e heroico da vida de Eddie Aikau tem semelhanças com o final da vida de Jesus. Pode-se dizer que Eddie viveu a imitação de Cristo até as últimas consequências. Ambos deram a vida pelas pessoas que amavam.

Mas é importante também perceber as diferenças entre a morte de Eddie e a morte de Jesus:

  • Eddie foi um ser humano que se fez uma lenda. Jesus Cristo é Deus que se fez ser humano.
  • Eddie abriu mão de sua segurança. Jesus Cristo abriu mão de sua glória celeste.
  • Eddie decidiu se arriscar para salvar 27 pessoas. Jesus Cristo decidiu salvar toda a humanidade.
  • Eddie morreu em favor de seus amigos. Jesus Cristo morreu em favor de pecadores; em lugar de inimigos seus.
  • Eddie deu a vida tentado salvar seus companheiros. Jesus Cristo deu a vida pagando, de fato, o preço de nossa salvação.
  • Eddie morreu a sua própria morte. Jesus Cristo morreu a morte de todos nós; de toda a humanidade. Ele levou sobre si a ira merecida pelos nossos pecados e se entregou como sacrifício para nos perdoar e nos reconciliar com Deus.
  • Eddie queria evitar a morte de seus amigos. Jesus Cristo venceu a morte de toda a humanidade e dá vida eterna.
  • Eddie nunca mais foi visto. Jesus Cristo ressuscitou, apareceu aos seus discípulos e continua agindo e transformando a vida de muitas pessoas.

A observação destas diferenças não tem a intenção de desmerecer o que Eddie Aikau fez pelos seus amigos, mas de exaltar, como deve ser exaltado, o que Jesus Cristo fez por nós.

Quem conhece a história de Eddie Aikau, dificilmente não se sente tocado e comovido pela manifestação de seu amor. Ele deu a vida por seus amigos.

Quem conhece a história de Jesus Cristo, não pode ficar indiferente ao seu amor. Ele deu vida por toda a humanidade; deu a vida por você e por mim.

Estamos no tempo de celebrar a Paixão de Cristo e a Páscoa. Celebrar paixão e páscoa é celebrar o amor de Deus por nós. Não deixemos de celebrar e de viver esse tão imenso amor.

“Ele foi rejeitado e desprezado por todos; ele suportou dores e sofrimento sem fim. Era como alguém que não queremos ver; nós nem mesmo olhávamos para ele e o desprezávamos.

No entanto, era o nosso sofrimento que ele estava carregando, era nossa dor que ele estava suportando. E nós pensávamos que era por causa das suas próprias culpas que Deus o estava castigando, que Deus o estava maltratando e ferindo.

Porém ele estava sofrendo por causa de nossos pecados, estava sendo castigado por causa de nossa maldade.

Nós somos curados pelo castigo que ele sofreu, somos sarados pelo sofrimento que ele recebeu.” Isaías 53.4-5.

 

Por Marcelo Jung

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *