BOIAS COM SONARES VÃO SER IMPLEMENTADAS NO J-BAY OPEN

shark.mick.

Medida visa, obviamente, acrescentar segurança aos surfistas da elite mundial… 

Um empresa australiana (Shark Mitigation Systems) anunciou que a sua Clever Buoy (boia inteligente), será usada no palco da sexta etapa do World Championship Tour, o J-Bay Open que acontece em Jeffreys Bay, África do Sul, entre 6 a 17 de julho.

A medida prende-se, obviamente, com o incidente verificado o ano passado quando Mick Fanning não perdeu a vida por muito pouco após um “encontro” com um tubarão-branco nos minutos iniciais da final do evento. 

“A nossa boia será implementada no local onde Mick Fanning foi atacado por um tubarão. O nosso sistema de deteção foi contratado pela WSL para o evento na África do Sul”, disse um responsável da empresa australiana. 

Esta é, na verdade, a primeira implementação do sistema em águas internacionais, após ter sido testado pela primeira vez na praia australiana de Bondi, entre fevereiro e abril deste ano. A boia utiliza uma nova tecnologia de sonar que cria uma rede virtual permitindo a deteção de tubarões fora da zona de rebentação, alertando de imediato as autoridades e os banhistas na praia.

As boias estão munidas de um microprocessador que analisa grandes objetos que se encontrem a nadar na zona delimitada para o efeito. Quando um animal de grande porte é detetado, esta envia um sinal de alerta.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *