A Natureza tem Razão

Ou não vos ensina a mesma natureza?
Os céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos. Um dia faz declaração a outro dia, e uma noite mostra sabedoria a outra noite.
Olhai para mim, e sereis salvos, vós, todos os termos da terra; porque eu sou Deus, e não há outro

(1 Coríntios 11:14; Salmo 19:1-2; Isaías 45:22).

“Quanto mais a ciência avança, mais razão damos à natureza.” Essa era a frase de um informe publicitário. De fato, a consciência de preservação e de respeito às leis da natureza tem crescido bastante. Cientistas, políticos e associações procuram alertar a opinião pública e os organismos dos governos para que se oponham às muitas ações predatórias e destruidoras do meio-ambiente.

Mas não podemos nos deter neste ponto. Falar assim é reconhecer que a natureza tem em si mesma uma sabedoria que nos supera infinitamente. No entanto, a verdade é que ela contém todas as riquezas que o Criador lhe deu. Ela é a demonstração do que não se pode negar. Ele mesmo declara: “Porque a minha mão fez todas estas coisas, e assim todas elas foram feitas, diz o Senhor” (Isaías 66:2).

Dizer que a natureza tem razão e admirar “sua” insondável sabedoria sem reconhecer o Criador é divinizar a criação, fazendo o que os povos antigos faziam, e o que nossa sociedade atual faz sob uma multiplicidade de ídolos. É honrar e servir mais a criatura do que o Criador (Romanos 1:25).

O que impede tantas pessoas de se renderem a Jesus Cristo, a Seu eterno poder e divindade? Olhe ao seu redor e veja quantas obras desse Deus vivo e todo-poderoso! O que você está esperando para entregar seu coração e sua vida ao Senhor Jesus?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *